Please reload

Please reload

Adeus berço! Olá quarto Montessoriano!

 

Desde o dia que o o meu bebê chegou em casa da maternidade que eu decidi cria-lo de maneira diferente da minha primeira filha.

 

No primeiro filho, tendemos a adaptar o mundo em torno da criança, já no segundo, temos menos tempo, mais experiência e percebemos que faz mais sentido que a criança se adapte a família, respeitando sempre esse novo ser.

 

Ainda na primeira semana, comecei a ensinar o meu bebê a dormir sozinho. Por 3 meses ele dormiu no moisés ao meu lado. No primeiro mês ele dormia com minha mão sobre seu corpo, depois eu ficava no seu campo de visão, depois deitada ao seu lado, até que fiquei entrando e saindo do quarto, sempre falando “a mamãe está aqui, você está aprendendo a dormir, estarei com você o tempo todo”. 

 

Se ele chorava, eu o pegava no colo, o acalmava e lhe colocava novamente no berço. Ele nunca ficou sozinho no quarto chorando. Sempre entendi que o choro (ou a ausência dele) é um sinal para saber se ele estava pronto ou não para a próxima etapa.

 

E isso funcionou muito bem por 1 ano. Quando o Arthur estava com sono, ninguém precisava coloca-lo para dormir. Ele sabia sozinho se conduzir ao descanso. Contanto que criássemos o ambiente correto: banho, música, quarto escuro e berço.

 

Com a experiência que adquiri nesses quase 10 anos de “carreira de mãe”, percebi que o berço {e o quadrado também} forçam a criança a ficar em um pequeno espaço e era inevitável ouvir um choro quando ela não queria ficar ali {quase sempre}. Foi ai que conheci o método Montessoriano.

 

O Método Montessori é caracterizado por uma ênfase na autonomia, liberdade com limites e respeito pelo desenvolvimento natural das habilidades físicas, sociais e psicológicas da criança. Ele foi criado pela médica e pedagoga Maria Montessori {1870, Itália}. Leia mais clicando aqui.

 

Sabe aqueles quartos lindos de bebê com a caminha e todos os objetos na altura a ao alcance das crianças? Eles são baseados nesse método.

 

 Mas no meu caso foi um pouco diferente. Quando eu me senti pronta para introduzir o método com meu bebê, simplesmente coloquei o colchão no chão! {O Arthur já demonstrava estar pronto, mas eu não! Qualquer mudança na rotina de uma criança requer muita dedicação dos pais, e honestamente, preferi adiar até um momento mais “calmo” da minha vida}

 

Ok, não foi só colocar o colchão no chão. Tive que adaptar o quarto para um ambiente que não fosse perigoso, uma vez que agora ele ficaria sozinho e com liberdade para andar por todo o quarto.

 

Bloqueei o acesso às gavetas e portas, coloquei um tapete de EVA no chão, pus mil e uma almofadas ao lado do colchão {com medo de que meu bebê rolasse} e por fim, deixei alguns brinquedos em uma caixinha, para que ele pegasse, caso quisesse.

 

E na primeira noite fiz a mesma rotina de todos os dias, dei o jantar, o banho, troquei a roupa, coloquei uma música, apaguei a luz, mas não o coloquei no berço! Assim que o coloquei no colchão no chão ele acho que fosse hora de brincar e aí começou a minha história!

 

Se passaram mais de 1 hora: eu deitada no colchão e ele andando pelo quarto, explorando, rindo, brincando! De vez em quando ele vinha até mim, deitava um pouco, pegava no meu rosto e saia. E eu falava “filho, está na hora de dormir. Você está com sono. Deite aqui com a mamãe para você descansar”. Até que o cansaço bateu, e em uma dessas vinda a mim ele não teve mais forças para levantar e dormiu! No dia seguinte, nada de choro! Ele acordou e foi para os brinquedos! Quando entrei no quarto ele estava calmamente se divertindo sozinho. Abriu um sorrisão quando me viu e fomos brincar juntos!

 

E por uma semana nossas noites foram como no passado: comecei ficando ao seu lado, depois saia e entrava no quarto sempre que choramigava e por fim, hoje, 7 dias depois, não precisei mais ficar no quarto. Fiz o ritual do sono, me despedi e ele foi sozinho dormir!

 

Agora que consegui implantar o método irei adaptar todo o quarto dele! Mas isso é assunto pra outro post!

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

ARQUIVO
POSTS RECENTES
TAGS
Please reload

  • Instagram - Black Circle
  • YouTube - Black Circle
Blog de hábitos saudáveis